HISTÓRIA

Com sete décadas de história no Bairro de Campo de Ourique, em Lisboa, a Aloma tornou-se uma referência também para as gerações mais novas. Para lembrar os mais antigos e elucidar os mais novos, estes são os melhores momentos de uma história recheada de sabor e tradição.

O nome Aloma

O seu nome, Aloma, parecia invulgar. Invulgar para uns mas reconhecido por outros. No cinema Europa, ali mesmo ao lado, era exibido o filme “Aloma of the South Seas”. A actriz, Dorothy Lamour, encarnava Aloma, uma lindíssima mulher de cortar a respiração. Os proprietários da Pastelaria, arrebatados com tamanha beleza, não tiveram dúvidas: o seu “sonho”, também ele arrebatador, só poderia chamar-se Aloma.

24 de dezembro de 1943
24 de dezembro de 1943

Abertura

Para contar a história da Pastelaria Aloma temos de recuar até ao ano de 1943. Com a sua pastelaria fina e requintada, abria as portas para deliciar a boca dos Lisboetas, na véspera de Natal.

O novo dono

Corria o ano de 2009 quando a história do actual gerente se cruzou com a lenda da Aloma. João Castanheira, apesar ter no sangue a arte pasteleira, estava até aí ligado à venda a farmácias. Desde então assumiu a gestão da Aloma e comanda este barco para que o negócio siga de vento em popa, mantendo toda a qualidade dos produtos e do serviço aos clientes.

17 de dezembro de 2009
1 de março de 2011

Primeira promoção

Primeira promoção da Pastelaria Aloma, numa prova de vinhos em harmonia com o Pastel de Nata Aloma, realizada na Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa.

O Melhor Pastel de Nata

O pastel de nata da Aloma é pela primeira vez distinguido como “O Melhor Pastel de Nata do Mundo”. Esta distinção repetir-se-ia nos anos de 2013 e 2015

17 de abril de 2012
18 de junho de 2012

Fora de Casa

É durante o ano de 2012 que a Aloma leva pela primeira vez os seus produtos para fora da loja de Campo de Ourique. O El Corte Inglês inicia a comercialização de alguns produtos Aloma.

Aeroporto de Lisboa

É durante o ano de 2012 que a Aloma leva pela primeira vez os seus produtos para fora da loja de Campo de Ourique. O El Corte Inglês inicia a comercialização de alguns produtos Aloma.

22 de fevereiro de 2013
13 de junho de 2013

New York Times

A Aloma é referida pelo prestigiado jornal norte-americano New York Times.

Bijou do Calhariz

A Aloma começa verdadeiramente a sua expansão e investe na aquisição da Bijou do Calhariz, num moroso processo de mudança de nome.

10 de outubro de 2013
13 de outubro de 2013

Fora de Portugal

Em Outubro de 2013, acontece a primeira viagem para fora do país. Inseridos no concurso hípico CSIO 5* de Barcelona, a Aloma começou desta forma o seu processo de internacionalização. Este importante passo foi dado por meios próprios, sem qualquer apoio, sendo encarado como uma aposta no futuro da internacionalização da marca. A história veio a confirmá-la como uma aposta acertada, com o sucesso conseguido pela Aloma além fronteiras.

Aloma no El Corte Inglês.

Abertura do corner Aloma no El Corte Inglês.

5 de dezembro de 2014
10 de julho de 2015

Segunda loja no Aeroporto de Lisboa

Abertura da segunda loja no Aeroporto de Lisboa, onde é dada a oportunidade aos clientes de verem os pasteleiros a confeccionar os Pastéis de Nata Aloma

Aloma nas Amoreiras

Abertura da segunda loja no Aeroporto de Lisboa, onde é dada a oportunidade aos clientes de verem os pasteleiros a confeccionar os Pastéis de Nata Aloma

22 de julho de 2015
15 de setembro de 2015

Nova fábrica

Aquisição das instalações para implementação da fábrica central no centro de Lisboa, com cerca de 1000m2, que permite dar resposta ao crescimento do negócio e estar próximo de todas as lojas Aloma.

  • Quando a Aloma abriu as suas portas ainda não existia NBA. 🏀 🏀
A Associação Nacional de Basquetebol surgiu em 1946, em Nova Iorque. É considerada a principal liga de basquetebol mundo. 
O cartaz do primeiro jogo da NBA oferecia a qualquer pessoa mais alta que o jogador George Nostrand, com 2,07 metros de altura, entrada gratuita para o jogo.
Resultado final: os New York Knicks venceram os Toronto Huskies, em Toronto, por 68 a 66, no primeiro jogo da história da NBA!
  • 🤯 Há dias em a receita não resulta, e o vídeo do youtube mostra um resultado melhor que o real… 
Bolo de aniversário, caixa de sortido tradicional para o lanche, embalagem de pastéis de nata para os colegas do trabalho – na Aloma sabe que corre bem 🤗 📤 Encomendas em todas as lojas
  • Há sempre uma boa razão para termos um dia doce.
Qual é o seu preferido? Chocolate, chantilly, brigadeiro, doce de ovos, sortido aos corações?
🥰🥰 Um brinde às combinações perfeitas! ☕🍮 Bolos e sortidos disponíveis nas Pastelarias Aloma ✔️
  • ☕ Prefere bica ou café de saco? Afinal qual é o mais forte? 💪

Depende do tamanho da chávena. O expresso tem a cafeína mais concentrada, mas se o café de saco for servido numa chávena maior, como muitas vezes acontece, é mais forte.

A Associação Americana de Café, explica que a bica tem 40 mg de cafeína, e o café de saco 90 mg, porque tem mais água que esteve em contacto com o café. 
O grão do expresso é mais fino e isso faz aumentar a presença da cafeína. Mas como recebe menos água na chávena, dá um café mais fraco.

Na Aloma de Campo de Ourique há sempre café de saco e café expresso ☕ Seja forte ou fraquinho. 😃
.
.
📷 Pexels, Stas Knop
  • 💡 🍰 Quando a Aloma abriu as suas portas ainda não tinha estreado a “Música no Coração”. A Perceptora Maria e a Família Von Trapp, chegaram a Portugal em 1966. E não é que as “roupas de cortinas” dos irmãos nos lembram os desenhos das nossas caixas de pastéis de nata?! .
.
📷 Música no Coração
  • Conhece-o?
Amarelo tostado com recheio de doce de ovos. Criado em homenagem ao campino do Ribatejo, o Pampilho é a vara comprida com que ele guarda os touros na lezíria. A forma e o nome do bolo inspiram-se no Pampilho original 
Prefere mais ou menos tostado?
.
.
📷 Pastelaria Aloma
  • 🎶🎤 ”Cai neve em Nova Iorque…” Aqui na cozinha cai neve no Paris Brest. 
Curiosidade histórica: em 1910 Pierre Giffard, organizador da corrida de bicicleta Paris-Brest-Paris, pediu ao pasteleiro Louis Durand, @patisseriedurand,  da MaisonsLaffitte, para fazer um bolo com a forma de roda de bicicleta. Assim, surgiu o Paris-Brest, em homenagem à roda da bicicleta e à prova que também era circular. 
Vai uma voltinha de Paris Brest? .
.
📷 Pastelaria Aloma
  • Qual é o bolo mais simpático da pastelaria portuguesa? O único que se apresenta pelo nome...👏 👏
Conheça cinco histórias açucaradas que o Observador publicou sobre cinco estrelas da nossa pastelaria portuguesa. Leia a crónica completa no link da bio ☝️
Fechar Menu